segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Sobre sonho e samba


Sonhar e amar é um pouco que nem sambar... A gente nunca acerta de primeira, é preciso experiência e gana, vontade de conseguir. É preciso ter gingado, requebrado pra driblar qualquer dificuldade, é preciso ser levado pela música, deixar o coração leve, o corpo falar. 
Amar e sonhar é um pouco que nem samba porque é preciso um certo atrevimento. Os passos não são fáceis pra quem não sabe dançar... É necessário em um momento ter os pés no chão, porque se nós tiramos demais corremos o risco de não realizar nada além de pulos no escuro, é preciso arrastar um pouco, pra preparar o terreno pra novidade, o arrastamento é uma mostra de esforço também, é a luta, é tirar toda a sujeira do coração e acreditar. Pé no chão, arrasta um pouquinho e solta...
Porque sonho que é bom voa ao se tornar real e nos dá a capacidade de sonhar ainda mais alto, fincar os pés no chão mais uma vez e se deixar levar todos os dias...

"Não deixe o samba morrer..."

Um comentário:

  1. OOOOOOOOK, eu tava imaginando um texto mega lixo quando eu fui ler e eu me identifiquei tanto com ele. mimimimimimi
    Então eu sei sambar...
    Eu sei amar?

    ResponderExcluir