domingo, 29 de novembro de 2009

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Enough is Enough

"I'm a sink with an open drain, and everything you say runs straight out"
Eu não sei se eu me cansei das suas palavras ou do modo como elas se tornaram juras ou se eu apenas me cansei de você.
Minha exaustão excedeu todas as fronteiras possíveis e impossíveis. Porque até mesmo o som da sua voz me irrita profundamente... Se bem que tudo me irrita ultimamente.
Mas é o jeito como você fica meloso quando fala comigo enquanto seu olhar está vago pensando, provavelmente, nas suas outras oportunidades. Ou em qualquer outra coisa.
E eu me cansei e dei um basta.
Agora eu sou uma pia aberta e tudo o que você disser vai escorrer.
(em inglês isso soa melhor, eu sei)
E depois desse tempo inteiro.
De tantas irritações, de tantas juras, de tanto amor, de tanto riso, de tanto tudo.

Eu me sinto vazia.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

"Grande Festa"

— Hipócritas! — exclama. — Impostores! Simuladores! Eis o que sois... Vista deste coreto, do meu ângulo de defunto, a vida mais que nunca me parece um baile de máscaras. Ninguém usa (nem mesmo conhece direito) a sua face natural. Tendes um disfarce para cada ocasião. Cada um de nós selecionou sua fantasia para a Grande Festa.

Incidente em Antares, de Érico Veríssimo.

Tic-Tac

Tic-Tac. Tic-Tac.


Você é uma bomba-relógio





E que bom que eu não vou estar por perto quando explodir.

The Tale of The Heartless Girl


Todos olham em seus olhos tentando encontrar um rastro de solidão ou tristeza... Encaram seus olhos ainda brilhantes e inexpressivos procurando a menina magoada dentro deles, aquela assustada e danificada.

E a busca é em vão para ler os olhos da menina. É como encontrar agulha num palheiro, mas ela gosta disso... Consegue o que quer desde que ninguém saiba o que ela realmente sente.
Mas como eles querem descobir o que a menina sente se ela mesma se privou de tal luxo? Chegaram a uma solução duvidosa: ela não possuía coração. Mas como ser sem coração se dizia ter conhecido o amor e a mágoa que dele provém? Todos se perguntavam e a resposta era óbvia:
Ela achou que amou...
E isso foi o suficiente para desistir.

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Ver dade

Será que a verdade fede e é só da mentira que se evolam os doces perfumes da vida? Será que o famoso poço da lenda, em cujo fundo se esconde a verdade, é feito de lodo e podridão?

Incidente em Antares, de Érico Veríssimo

"Flores da Lua"

Brancuras imortais da Lua Nova,
Frios de nostalgia e sonolência...
Sonhos brancos da Lua e viva essência
Dos fantasmas noctívagos da Cova.

Cruz e Sousa

Forever (if not in my life) in my heart.

Uma parte de mim quer ficar.




A outra parte quer partir.

domingo, 22 de novembro de 2009

"Maldição"

No meu castelo os fantasmas tocam música,
Minhas bruxas brincam de roda,
Meus duendes se embebedam de champagne.
Meu sangue é fresco e novo,
O relógio bate forte doze, meia-noite.

Por fim, caem num canto mudos.
Nada de festa, nada de pecado, nada de orgia.
Uma bruxa ainda tenta abrir a janela pra Lua cheia,
Mas volta a se encolher, suspeita.

Silêncio... Fim de festa, nada de risos.
Meus fantasmas sentem falta de você.

(Livro: "Navio Fantasma" de Diana Cristina Damasceno)

Think Of Me - The Phantom Of The Opera

"Think of me
think of me fondly, when
we've said goodbye
remember me
once in a while, please
promise me you'll try



When you find,
that once again you long
to take your heart back,
and be free
if you ever find a moment,
spare a thought for me



We never said
our love was evergreen
or as unchanging as the sea...
but if you can still remember,
stop and think of me



Think of all the things
we've shared and seen,
don't think about the way things
might have been



Think of me
think of me waking, silent
and resigned...
imagine me, trying too hard to
put you from my mind...



Recall those days,
look back on all those times,
think of the things
we'll never do...
there will never be a day when
I won't think of you



Flowers fade, the fruits of summer fade
they have their seasons, so do we
but, please, promise me
that sometimes
you will think of me."



sábado, 21 de novembro de 2009

The Unforgiven II - Metallica

Lay beside me
Tell me what they've done
Speak the words I wanna hear
To make my demons run
The door is locked now
But it's open if you're true
If you can understand the me
Then I can understand the you

Lay beside me
Under wicked sky
Through black of day
Dark of night
We share this paradise
The door cracks open
But there's no sun shining through
Black heart scarring darker still
But there's no sun shining through
No, there's no sun shining through
No, there's no sun shining

What I've felt
What I've known
Turn the pages
Turn the stone
Behind the door
Should I open it for you?

Yeah
What I've felt
What I've known
Sick and tired
I stand alone
Could you be there
'cause I'm the one who waits for you
Or are you unforgiven too?

"Come lay beside me
This won't hurt, I swear
She loves me not
She loves me still
But she'll never love again
She lay beside me
But she'll be there when I'm gone
Black heart scarring darker still
Yes, she'll be there when I'm gone
Yes, she'll be there when I'm gone
Dead sure she'll be there"

Oh, what I've felt
Oh, what I've known
I take this key
And I bury it in you
Because you're unforgiven too.

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

E eu...

Decidi te enterrar vivo.

I used to believe in forever, but forever’s too good to be true

1º Sometimes, it’s easier to say that you’re fine instead of having to explain all the reasons why you’re not.
2º You are like a sunset to me. You’re all kinds of beautiful as you end my day and you sweetly retire as stars chase you away…
3º No relationship is perfect, ever. There are always some ways you have to bend, to compromise, to give something up in order to gain something greater…The love we have for each other is bigger than these small differences. And that’s the key. It’s like a big pie chart, and the love in a relationship has to be the biggest piece. Love can make up for a lot.
4º I love everything you hate about yourself.
I've never cried in my life, but i’ve never felt so crazy or broken as i do at this exact instant. He broke me and now all the whiskey in the world is not going to help.
You went away cos you said you couldn’t love me, and i went away cos all i do is love you.
... I never want to see you unhappy. I thought you’d want the same for me.
"All she had needed was the certainty of his love, and his reassurance that there was no hurry when a lifetime lay ahead of them".
I do know that if I don’t ask you to be mine, I’ll regret it for the rest of my life. Forget the air. I’ll breathe you instead.
God, love is needing someone (i guess i need you). Love is putting up with someone’s bad qualities because they somehow complete you.
What would happen if we kissed? Would your tongue slip past my lips, would you run away, would you stay or would I melt into you? Mouth to mouth, lust to lust, spontaneously combust...
5º You are, the only exception.
6º In the short time we spent together, we had what most people can only dream about, & I’m counting the days until I can see you again. Never forget how much I love you.
7º What I want, from this, is learn to let go...
Think i’ve mistaken you for somebody else... Somebody who gave a damn... Somebody more like myself. I'm a disaster waiting to happen. Run, run for your life, before i break your heart to pieces to match my own.

___________________________________________

Have you ever been in love? Horrible isn’t it? It makes you so vulnerable. It opens your chest and it opens up your heart and it means that someone can get inside you and mess you up. You build up all these defenses, you build up a whole suit of armor, so that nothing can hurt you, then one stupid person, no different from any other stupid person, wanders into your stupid life…You give them a piece of you. They didn’t ask for it. They did something dumb one day, like kiss you or smile at you, and then your life isn’t your own anymore. Love takes hostages. It gets inside you. It eats you out and leaves you crying in the darkness, so simple a phrase like ‘maybe we should be just friends’ turns into a glass splinter working its way into your heart. It hurts. Not just in the imagination. Not just in the mind. It’s a soul-hurt, a real gets-inside-you-and-rips-you-apart pain. I hate love.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

What is love anyway?

Eu me lembro de promessas feitas, de olhar a Lua feito uma boba apaixonada com a esperança de ter um futuro ao seu lado, mas em algum lugar o tempo minguou e eu não reconheci mais você...
Eu passei tantas horas do meu dia desejando sentir o seu cheiro novamente, desejando que seus olhos estivessem ali bem diante dos meus e eu tivesse a coragem pra dizer tudo o que eu sentia.
...................................................................................................................................
Palavras murcharam feito flores banhadas pela água salgada do meu pranto...
E se você não valia a pena porque diabos eu me pego constantemente olhando pra trás?
Eu estaria sentada na fila da frente pra assistir esse espetáculo de novo.
Eu interpreto a grande tonta e você o maior idiota.
Você deveria sentir minha falta como eu sinto a sua...
Seria castigo suficiente.
Está claro, transparente, óbvio que nos magoamos.
Eu queria que você entendesse porque é simplesmente doloroso demais falar.
Eu fico alegre ao saber que você não era a pessoa certa.
E se tudo foi em vão
O que é o amor, de toda forma?
É capricho, obsessão...
A forma mais simples de uma felicidade egoísta virar ilusão.

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Take a sad song and make it better

Sempre soube que meu amor viria...No fundo eu sempre soube.
Não sabia que era ele pois quando seus olhos doces finalmente cruzarem com os meus nós já estaremos envolvidos demais pra estragar isso, do jeito que tiver que ser ao seu lado eu sempre vou estar.
Não, ninguém vai entender um amor desses... Só sentindo pra compreender o porquê de mesmo você não estando aqui, eu te amar como eu amo.
Éramos duas almas abandonadas, feridas, exaustas que se apoiaram em algum momento e se reergueram juntas. Era mais do que carinho e respeito, era lealdade, era entrega, era o mesmo gosto estranho pra comida e a vontade de compartilhar coisas um com o outro...
Era ver televisão juntos estando ao telefone, era conversar sobre filmes e planejar nosso futuro.
Nosso futuro, estranho de se dizer...
Nosso, só nosso.
Minha felicidade agora era imensa e dava medo.
Quando me acostumei a ver tudo dando errado você me surgiu como o mais adequado milagre e eu chamaria isso de destino se você acreditasse nisso.
Dessa vez era real, eu sabia, dessa vez seria pra sempre.
A voz ecoava do outro lado da linha:"Tava com saudade de ouvir sua voz".
E eu quero ouvir a sua pra sempre, eu pensava.
Não entendia porque no instante que você falava comigo meu coração disparava e não entendia porque enquanto você falava meu corpo era tomado por uma paz que eu nunca havia sentido.
Nunca havia sentido
Antes de você.

Tell me how it should be. I've been in this path before, but it never was that good, it never was that simple. I see you, you see me... Isn't that weird?

i'm so glad i found you.

sábado, 7 de novembro de 2009

Para o Meu Grande Companheiro

Seria idiotice não colocar agora a dor que eu sinto por ter te perdido.
Eu te amava demais e nada no universo vai conseguir mudar isso, até porque eu nunca vou deixar de te amar.
Você estava do meu lado sempre que eu precisava, você era meu amor e não passava um dia em que eu não quisesse falar com você, nem que fosse apenas um: "oi, baby".
Então eu só queria que você soubesse que para mim você foi mais que um amigo. E que comigo vão apenas as lembranças boas. Eu dormindo no banco de trás do seu carro enquanto a gente cantava músicas que, provavelmente, só a gente conhecia no meio daquele trânsito; das "viagens" tarde da noite só pra sair e ver o que tinha de bom para nós na noite.

Sei que nunca vou esquecer o dia em que eu pensei que tinham te tirado de mim e nunca vou esquecer o dia em que você voltou.
Eu espero que agora você esteja feliz, porque eu não quero pensar que eu abri mão de você porque eu nunca vou conseguir.
E eu sei que eu devia seguir em frente e eu já segui, porque outro veio pra tomar o seu lugar, mas saiba que ele nunca vai conseguir ser bom como você foi, querido.
Eu te amo muito e queria que você soubesse disso.
E se eu tiver muita sorte:
I'll See You Soon

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Quase

Mas se eu tivesse ficado, teria sido diferente? Melhor interromper o processo em meio: quando se conhece o fim, quando se sabe que doerá muito mais -por que ir em frente? Não há sentido: melhor escapar deixando uma lembrança qualquer, lenço esquecido numa gaveta, camisa jogada na cadeira, uma fotografia –qualquer coisa que depois de muito tempo a gente possa olhar e sorrir, mesmo sem saber por quê. Melhor do que não sobrar nada, e que esse nada seja áspero como um tempo perdido.
Eu prefiro viver a ilusão do quase, quando estou "quase" certa que desistindo naquele momento vou levar comigo uma coisa bonita. Quando eu "quase" tenho certeza que insistir naquilo vai me fazer sofrer, que insistir em algo ou alguém pode não terminar da melhor maneira, que pode não ser do jeito que eu queria que fosse, eu jogo tudo pro alto, sem arrependimentos futuros!
Eu prefiro viver com a incerteza de poder ter dado certo, que com a certeza de ter acabado em dor. Talvez loucura, medo, eu diria covardia, loucura quem sabe!

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Proxy


Keep in Metal!



(Foto: mosh by sean_tron from DeviantArt)

B.

"GENTE!

Alguém mata a Barbie!





Até velha ela é estilosa!


Meta de vida: envelhecer como uma Barbie."


By Bib-hibs.

Vampire Cat!!!

domingo, 1 de novembro de 2009

Hey There Denial

Fique aí com sua consciência pesada que eu fico aqui fingindo que eu não te odeio.
Nosso único problema era o que nos unia: intimidade.

O que é uma droga porque você foi um dos poucos com o qual eu me abria facilmente. Gostávamos das mesmas coisas e eu amava o que a gente tinha porque era só nosso: as noites em claro falando besteiras só pra ver se um de nós era capaz de se curar.
Como se fôssemos a via de escape um do outro do mundo. Era o nosso lugar feliz onde só tocava Beatles e tudo era perfeito.

Vai ver que é por isso que eu te odeio tanto, porque quanto mais você muda, mais eu quero te conhecer.
Vai ver que é por isso que eu te odeio tanto: Por me fazer amar você...