segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Ai, esse calor...

Olhou pra ele e pensou:
"Vai, para de me olhar assim como se eu fosse a mulher mais bonita do mundo.
Para de se aproximar desse jeito.
Para de segurar minhas mãos, de afastar meus cabelos.
Para de beijar meu pescoço
Para de me beijar
Para de deslizar as mãos no meu corpo
Céus, eu não vou resistir!"
- Amor, é melhor parar.
- Porquê, o que que foi? - disse ele sorrindo e se afastando um pouco, encarando-a.
- Brasília já tá quente demais como está. Não tornemos as coisas piores.
E riram recompondo-se, envergonhados e loucos de desejo.

2 comentários:

  1. HASUHASUASHASUHSA ESSE CALOOOR.
    pois é, bródinha, tem que evitar calor humano porque as coisas podem entrar em ebulição. hoho

    ResponderExcluir