sábado, 6 de novembro de 2010

Repromissão

De todas as pessoas na minha vida que eu jamais conseguiria decepcionar, você está no topo delas. Eu culpo os seus olhos piedosos e parciais por que eu nunca ousaria ferir você. Prefiro me arranhar toda do que sentir qualquer gota de suor deslizar na sua testa, do que te ver se sacrificar, do que te ver inundando em sofrimento. Tudo o que eu queria era que você percebesse que eu nunca vou te deixar. Você é minha alma gêmea e ninguém mais. Você me entende do início ao fim e não cobra nada por isso. E eu estou te observando definhar lentamente e isso é o pior. Então eu vim te prometer que eu jamais vou sair do seu lado, que nós é algo que não vai mudar. Não mesmo.
Sempre haverá espaço pra você na minha cama de casal.

Um comentário: