sábado, 9 de outubro de 2010

Para-Frase-Ando

Eu fico me perguntando por que você não me ama.
Qual detalhe específico te incomoda tanto assim que eu não consigo ser no mínino desejável aos seus olhos. Será que eu sou tão feia assim? Ou burra?
Não, você gosta das burras. Daquelas que nunca questionariam seu gosto duvidoso e sua tendência a ser cafajeste. E eu gosto disso, mas não sou burra.
Eu procuro no mais íntimo de mim, até onde você não conhece, pra saber se o problema sou eu ou você. Se você não me enxerga ou eu não me enxergo.
Queria saber se você não vê quão boa eu posso ser
Queria saber se eu te assusto tanto quanto eu te adoro.
Mas talvez você só esteja brincando
Talvez você esteja bancando o burro
Ou talvez você só seja muito comum.

2 comentários:

  1. mimimi ):
    para de tocar o meu pâncreas.

    (e aí? quem é o problema?
    never knows.)

    ResponderExcluir
  2. "Eu procuro no mais íntimo de mim, até onde você não conhece, pra saber se o problema sou eu ou você. Se você não me enxerga ou eu não me enxergo".

    Amay sua fofinha.

    ResponderExcluir