sábado, 5 de fevereiro de 2011

UnB: destruidora de lares

Ok, como tudo que eu escrevo não tá me satisfazendo, farei um texto bem informal, direto e sincero aqui.
A UnB acaba com a vida das pessoas, ok!
Não somente em termos de morrer de estudar pra entrar naquela joça, mas quando se já está dentro dela.
Acaba com a sua vida social, com a sua pseudo capacidade de raciocinar quando já se está FARTO e quer que o semestre termine em 3, 2, 1; e com a provável vida amorosa que você tinha antes de ingressar em tal Babilônia*!
Isso mesmo.
Além de ter férias minúsculas, você também deixará de ter um namorado. Porque ou você irá para o caminho da perdição, ou ele irá.
Para a maioria das pessoas, universidade significa: sexo, drogas, happy hours, beijódromo e rock n' roll. E sabe de uma coisa? Estão certos!
E isso só resulta em uma coisa: fim. Fim de tudo, coisa fofa!
Você nunca foi um perdido na vida? Então se prepare, a universidade espera por você.

*Babilônia - terra de ninguém.

Um comentário: