sábado, 26 de fevereiro de 2011

$#%¨@

Existe alguma coisa em você que é capaz de me tirar do sério, que me arruína, que me faz desmoronar e não conseguir disfarçar o meu descontentamento. É uma coisa que eu gostaria de ser madura o suficiente pra saber lidar sem ver meus olhos inundarem e sem ver meu coração esfanicar. Eu queria que você conseguisse enxergar o mundo como eu enxergo, queria que você se permitisse ficar perplexo ao invés de impaciente e frustrado porque as coisas não seguem o curso que você deseja. Queria saber te tornar mais sutil.
Nada disso importa agora, nesse ponto não há retorno e se não há retorno não existe razão justificável pra se arrepender.
O pior de tudo é o quanto me frustra, mesmo com tudo isso, não parar de amar você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário