domingo, 5 de janeiro de 2014

Amor Fraternal

É aquele amor quase tão poético quanto aqueles antigos, mas menos platônico (graças a Deus!).
A gente ama mesmo naqueles momentos que a pessoa te enfurece pra sempre, apóia quando sabe que tá fazendo merda só pra ela não se sentir sozinha, a gente fala umas verdades pesadas, que doem na alma e quebram o espírito, mas só pra que nunca se perca a noção da realidade.
Vocês são assim, mesmo quando estão longe, eu sinto tão perto que acabo não contando o que tá acontecendo na minha vida por achar que vocês praticamente sentem, aí eu conserto tudo e é impressionante a atenção, o amor, o carinho e os risos com os quais vocês me recebem. É muito difícil separar minha vida da de vocês à essa altura, então se acostumem com a minha presença porque eu pretendo ficar por aqui muito tempo e com vocês sempre do meu lado.
A gente mudou bastante ao longo desses anos todos e eu tenho certeza que muita mudança mais vai vir na nossa vida, mas tá tudo bem, porque também tenho certeza que eu vou ter vocês aqui do meu lado, no meu coração, de qualquer canto do globo... Vocês se transportam sempre pra dentro de mim para que eu não me sinta só, para serem minhas muletas, quando eu me sentir fraca.
Agradeço diariamente por fazer parte de um grupo tão diferente e distinto, que torna meus dias mais doces e felizes.

Um comentário: