terça-feira, 7 de julho de 2009

Fuck. You changed.

Eu queria passar a minha vida inteira baseada nas lembranças que eu tinha de outrora.
Nunca quis que as coisas tomassem o rumo drástico que elas tomaram...

Tudo começou como as histórias mais emocionantes começam: uma brincadeira.
Era tudo muito bonito no nosso conto de fadas, porque a gente se amava e a gente não queria se desgrudar. Demorou um tempo pra eu perceber que o que a gente sentia um pelo outro era não só amor, mas uma cumplicidade maior do que a que eu tive com qualquer pessoa.
Eu amo você e nunca te disse isso, porque isso te daria poder sobre mim, te faria especial e te daria vantagem sobre os outros amigos meus. E você me aceitava como eu era: fria, dura, um pouco agressiva e constantemente ausente, mesmo estando lá e te escutando, isso nunca foi suficiente
- mas eu sempre fui assim

Só queria te dizer que eu não queria que você tivesse mudado, não queria que você não gostasse mais de mim e me maltratasse dessa forma. Porquen por trás dessa "pele grossa", eu tenho um coração que ainda chora pelo fato de que eu perdi o meu amor, meu amigo e meu cúmplice.
E outros virão, não duvide disso.
Mas hoje.
Agora.
Eu queria dizer que ninguém mudou minha vida como você o fez.
E vou dizer baixinho e em letras minúsculas pra não demonstrar emoção, só pra você pensar que eu não sinto sua falta: eu te amo.

5 comentários:

  1. Amo comentar nos meus textos

    Achei digno, querida. [cofcof]
    Me lembra uma história antiga.
    Muito antiga

    ResponderExcluir
  2. Massa =D
    que história te lembra *.*
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. "E vou dizer baixinho e em letras minúsculas pra não demonstrar emoção, só pra você pensar que eu não sinto sua falta: eu te amo."

    Dearest, não importa o quão pequeno vc escreva... eu te amo sempre será eu te amo.
    HUHSAHSUHAS ._.
    será q eu sei de quem se trata?

    ResponderExcluir
  4. nao acredito nisso. Bih ¬¬
    agora vi com outros olhos u.u

    ResponderExcluir