quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Inevitable

Eu estava realmente tentando banir esse pensamento sem sentido da minha cabeça.
Mas chegou a hora de pôr pra fora, assim quem sabe, como a maioria das vezes, quando o pensamento se projetar pra fora da minha cabeça ele realmente comece a não fazer sentido algum e eu pare de perder tempo da minha vida confabulando sobre tal.
Então lá vai...
Eu meio que não suporto mais gostar de você.
E esse tipo esquisito de raiva está tomando conta do sentimento bonito que eu achava que tinha.
É completamente exaustiva a rotina pela qual nós fomos submetidos, e eu não me acho mais no direito nem na vontade de conversar, sentir ciúmes e te esperar no meio do dia ou no meio da multidão.
Não sei se isso significa o fim próximo.

Mas agora que eu escrevi e começou a fazer algum sentido... Eu sei que significa alguma coisa.

Um comentário:

  1. NOOOOOOOOOOOOOOOOOOOSSA.
    Super dei apoio aqui, é desgastante ficar se dando tanto e receber ambiguidade.
    hihi amei

    ResponderExcluir