quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Desabafo

Por que às vezes o simples fato de escrever, de transpor o que você pensa ou está pensando parece tão... complicado?

Talvez nem seja tudo isso. Talvez o problema esteja no perfeccionismo, naquilo de querer fazer tudo certo, sem deslizar sobre erro algum. Mais, deve ser mais do que isso. Definitivamente. A maior dificuldade é no traduzir do pensamento. Como repassar a sensação por meio de palavras?

Palavras, meras palavras.

Analisando ligeiramente, acredito encarar a palavra de maneira maniqueísta. E como!
Além do mais, pergunto-me como algo abstrato pode soar tão sólido e infiltrar teu ser; a palavra aparenta-me esplêndido ao mesmo tempo em que mostra-se insuficiente.

2 comentários:

  1. É, as palavras me faltam agora.
    hushausa
    Concordo, esplêndidas e ao mesmo tempo tão insuficientes.

    ResponderExcluir