quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Pensamentos bem trancados na cabeça [?]

Só uma boca aberta gritando num cenário imaginário
Me levando a viver tudo novamente
Me arrastando pelos cantos
As grandes aventuras que nos trouxeram até aqui
Você disse que nos tornariam melhores
Mas era muito tarde pra recomeçar
Eu não acreditei em você
Aí surgiu essa fome e o medo
E a vontade de ficar só por um instante
Por um instante só
Você me conhecia melhor que isso
Caminhos bem diferentes
Intenções vis e planos inteligentes
Existe algo de estranho no ar e os sorrisos inesperados
Sempre apareciam nos lugares em que você dizia
Que achava possível voar
E você carregava uma auréola
E me deixava satisfeita na maior parte do tempo
Eu não acreditei
Eu quis ficar só
Por um instante só
Você me conhecia melhor que isso
E agora eu tento me espremer dentro da minha cabeça
Eu estou te vendo esconder
Aquele restinho de tempo que poderia ter sido nosso
E eu lembro de todas
As estúpidas mentirinhas
A bebida e as risadas
A felicidade
E a vida era só isso
Por um instante só
Eu vou lá fora trazer tudo ao seu lugar
Mesmo que eu não saiba se você vai voltar
Só por isso
Porque por um instante só
Você me conhecia melhor que isso...

E eu não acreditei em você.

2 comentários: